Vozes Sem Terra -> Imagens & Vozes -> Por mídia -> Letras de músicas

English | Português

As Imagens e as Vozes da Despossessão: A Luta pela Terra e a Cultura Emergente do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra)

Língua:

Português (change language to English)

Esta página:

Cultura emergente por tipo de mídia -> Letras de músicas 88 recursos (Editado por Else R. P. Vieira)

AnteriorAnterior    recurso: 10 de 88    Seguinte

Este recurso se encontra também em:

Cultura: A Mística

Autor:

Letras de músicas: Ademar Bogo

Título:

Manter a Esperança


Ouça a música num stand-alone player

Download o Windows Media Player
Para ouvir a música, você precisa instalar o Microsoft Windows Media Player no seu computador - download o Media Player
 

Já negaram tudo que bem pouco resta
nova teoria já dizem que tem
Tentam iludir os que tudo fazem pra que se
acomodem e parem também.

Qualquer discurso já é uma ameaça
e se for na praça correndo já vem
Não andamos muito mas sabemos agora
Já disse o poeta "quem sabe faz a hora"
e não se espera por quem já não vem.

Refrão
Já disse o homem que depois
morreu e ficou na memória.
Que existe uma coisa na roda da história
que uma camada pra trás quer rodar.
Mas estes não servem
pra pôr suas mãos nesta manivela
ficarão à margem olhando da janela
a luta do povo esta roda girar.

0 que os outros fizeram já não vale nada.
Já não sabem mais o que mesmo dizer.
Querem construir a nova sociedade
buscando no voto o sonhado poder
A luta de classes já não existe
Mas quem faz resiste e procura vencer.
Por mais que se queira transformar em nada,
saibam que a história é como a madrugada,
quem acorda cedo faz o amanhecer.

Esta música é do CD Arte em movimento

 Vá para o CD

Data:

novembro de 2002

Recurso ID:

KEEPINGU547

À Universidade da página bem-vinda de Nottingham

Vozes Sem Terra, site hospedado pela
Escola de Línguas Modernas
Universidade de Nottingham, Grã-Bretanha

Coordenadora do Projeto e Organizadora do Arquivo: Else R P Vieira
Produtor do Web site: John Walsh
Arquivo criado em janeiro de 2003
Última atualização: 02 / 16 / 2012

www.landless-voices.org